Comadres (ou como o noticiário aproxima as pessoas)

Estava eu me dirigindo para o ponto de ônibus na quarta-feira de manhã, quando passam duas amigas, conversando animadamente:

– Nossa, fulana engordou não foi?
– Foi sim… ela era magrinha… ficou gorda!
– E você soube? Filho de Cissa morreu, menina!
– Eu vi! Que absurdo!

Imagino que Cissa Guimarães, amiga íntima da dita cuja, deva ter ligado para dar a notícia da tragédia em primeira mão. Até pra poder contar com seu ombro amigo nesse momento de dor. 😛

Anúncios
Esse post foi publicado em Lugar comum e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s